As vantagens de castrar um cachorro

Controle populacional
Existe uma superlotação de cães nos grandes centros urbanos, fazendo com que muitos animais vivam em péssimas condições nas ruas ou passem suas vidas em abrigos, à procura de um lar. A castração, principalmente de animais em situação de rua, ajudaria a solucionar esse problema.
Famílias que não tem condições de manter mais animais do que já têm também devem recorrer ao procedimento.

Prevenção de doenças
Nos machos, a castração pode ajudar a evitar problemas como o câncer de próstata, já que durante o procedimento os testículos dos animais são removidos. A chance de problemas na bexiga, como a micção, também são evitados com o procedimento.
Já as fêmeas ficam mais seguras contra doenças no útero e complicações decorrentes do sangramento que ocorre durante o cio. Algumas pesquisas recentes também apontaram que as chances de câncer de mama também são reduzidas em animais castrados.

Mudanças no temperamento
Castrar o animal e ele mudar de comportamento não é uma regra, varia de caso para caso e costuma ser mais perceptível nos machos. Com a queda da produção de testosterona, o cachorro que se mostrava muito agressivo em contato com outros machos pode melhorar esse comportamento. A necessidade de marcação de território também diminui.
Embora muitos donos discordem da medida, castrar o cachorro pode ser um benéfico necessário. Mesmo assim, a decisão deve ser bastante ponderada. Antes de castrar o pet é preciso ter ciência das vantagens e desvantagens desse procedimento com a ajuda de um veterinário.
Algumas ONGs e instituições governamentais oferecem esse serviço gratuitamente.

Dra. Juliana Martins Ferreira é médica veterinária (CRMV 29.816) e atende na

Clínica Happy Pet, Rua Guilherme Guinle, 445, Vicente de Carvalho, tel. 33043062

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

completar *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>