Atendimento do Samu é prejudicado por falta de equipamentos e veículos

samu2-575-x-600O efetivo do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) está pedindo socorro para conseguir atender pacientes em Guarujá.
Com ambulâncias quebradas, e equipamentos de proteção individual, insuficientes e a falta de perspectiva para que os problemas sejam solucionados, o atendimento ao público fica bastante prejudicado.
Na semana passada o pessoal que trabalha no atendimento de emergência, enfrentou dificuldades para atender quem precisava de socorro. A situação chegou ao ponto de apenas um veículo estar disponível para atender a demanda de acidentes em toda a cidade.
Segundo um funcionário do serviço que preferiu não se identificar, a situação do SAMU em Guarujá é muito ruim, as viaturas estão sucateadas. “O suporte avançado está com pneus carecas e o monitor cardíaco não tem sensor para fazer o monitoramento dos pacientes, muito menos o papel para imprimir o registro cardíaco dele”. Ele conta que, há cerca de 15 dias, o município ficou com apenas uma ambulância a disposição. “Num dia assim, se acontece um acidente de carro com duas vítimas, uma vai ter que esperar. E o problema é que essa situação é recorrente”.
“Em algumas situações somos obrigados a escolher quem vamos atender primeiro, isso significa um risco muito grande para os pacientes”, afirma um colega de equipe que também pediu anonimato e mostrou-se bastante preocupado.

Serviço
O SAMU é um serviço gratuito que funciona 24h por dia. Pode ser acessado pelo número 192 e é acionado por uma central de regulação das urgências. As equipes de serviço são compostas por médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, e condutores socorristas.

Prefeitura
A prefeitura de Guarujá admite que “veículos e equipamentos apresentam estado de desgaste avançado”, mas está trabalhando para melhorar a frota composta por 4 ambulâncias e 2 motos. Além de uma licitação para compra de três ambulâncias, o município aguarda desde ano passado receber nova frota do governo federal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

completar *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>