Farol do Itapema volta a ser patrimônio da população de Vicente de Carvalho

forte-farol-itapema-600-x-450O Forte de Vera Cruz de Itapema, conhecido como Forte Itapema ou Farol do Itapema, voltará a ser um patrimônio dos moradores do Distrito. A prefeita de Guarujá, Maria Antonieta de Brito, e o inspetor chefe da Alfândega do Porto, Cleiton Alves, e todos os representantes presentes ao evento assinaram o termo de compromisso para iniciar o processo de revitalização do patrimônio histórico. O ato solene é a coroação de um trabalho de quase oito anos e ocorreu no local, que passará a integrar o roteiro turístico da Cidade ao se tornar parque e museu.
A prefeita Antonieta, o inspetor Cleiton Alves, o vereador Luciano de Moraes Rocha (Tody), os secretários municipais Odair Dias Filho (Cultura) e Patrícia Lima (adjunta de Cultura) e o diretor municipal Elson Maceió se juntaram ao idealizador e fundador do movimento Saudoso Itapema, Natanael Silva Santos, que é um dos entusiastas da revitalização do equipamento público. Para ele, a reabertura do equipamento cultural será um sonho realizado. A solenidade contou também com a presença de pescadores do entorno, do movimento Saudoso Itapema, da Sociedade Esportiva Itapema (Socia), conselhos municipais e movimentos afro-religiosos.

Estudos arqueológicos
A realização de estudos arqueológicos no local também fará parte do patrimônio, que tem suas primeiras edificações (base do Forte) datadas do século XVI e o Farol já referente ao início do século XX. “A parte histórica ficará aberta a toda população de forma irrestrita. O Forte Itapema tem tudo para entrar no roteiro turístico da Cidade. Teremos aqui o uso compartilhado: a parte histórica ficará com a Prefeitura e o que é ligado à área naval continua sendo utilizado pela Receita Federal”, explicou o inspetor da Alfândega.

Revitalização do entorno 
A prefeitura informou que pleiteará junto ao Governo do Estado recursos do Departamento de Apoio e Desenvolvimento das Estâncias (Dade) 2017 para revitalização do entorno e acessos ao futuro ponto turístico, reurbanizando a Rua Itapema com nova rede de drenagem, acessibilidade, guias, asfalto e iluminação. A ideia é dar continuidade às obras do Dade, que já estão acontecendo na Cidade. Para 2016, Guarujá conquistou R$ 40 milhões para obras que estão acontecendo à medida que os recursos vão sendo liberados pelo Governo Estadual. O entorno do centro comercial de Vicente de Carvalho, que compõe a Rota Turística Paraíso das Compras, está incluso na verba Dade deste ano.

Uso compartilhado
A área pertence à Alfândega/ Receita Federal, que se tornará responsável pelas obras de restauro do espaço, cabendo a Prefeitura viabilizar o projeto básico. Após a conclusão da obra, será realizado o compartilhamento de uso da área, onde o Município deverá implantar o Parque Histórico do Forte Itapema, que abrigará também o museu do mesmo nome. A proposta é que o Forte se torne um ponto turístico, com toda estrutura necessária para isso: banheiros, café, estacionamento e um pequeno espaço para implantação de um museu, aberto à visitação.
A Secretaria Municipal de Cultura e a Receita Federal realizarão os procedimentos necessários junto a vários órgãos, como a Agência Metropolitana da Baixada Santista (Agem) e ao Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat) para aprovação do projeto e início das obras. Ainda este mês, o projeto será apresentado pela prefeita Antonieta na Agem para pleitear recursos do Fundo Metropolitano, assim como aconteceu com o Museu Fortaleza da Barra Grande, que recentemente conquistou cerca de R$ 250 mil para sua iluminação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

completar *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>