Município passa a oferecer serviço de mastologia no Hospital Santo Amaro

hospital-santo-amaro-guaruja (600 x 464)No mês de prevenção ao câncer de mama, uma importante conquista foi anunciada às pacientes da rede pública de Guarujá. A partir de novembro, elas passarão a contar com um serviço especializado em mastologia. Antes, no Município, as pacientes que precisavam ser submetidas a uma biópsia para diagnóstico de câncer de mama eram encaminhadas ao Hospital Guilherme Álvaro (HGA), em Santos. Agora, tanto o procedimento quanto as próprias cirurgias para a retirada do tumor poderão ser realizadas na própria Cidade. O atendimento ocorrerá nas instalações do Hospital Santo Amaro. De acordo com a Secretaria de Saúde, o novo atendimento representa um ganho sem precedentes para as mulheres do Município. Em 2016, foram atendidas 57 mulheres em tratamento oncológico por neoplasias da mama, muitas vezes, com diagnóstico tardio. Já este ano, entre janeiro e setembro, foram 69 atendimentos. Ainda conforme a secretaria, em Guarujá, não há fila para mamografias e não haverá aumento na oferta de consultas com a mastologia na rede municipal, mas sim a reestruturação da linha de cuidado da mama, para garantir o cuidado integral às pacientes. Mastologia cirúrgica Além das biópsias para os casos suspeitos, que passarão a ser realizadas no próprio Município, as pacientes também contarão com um profissional especialista em mastologia cirúrgica no Santo Amaro. As pacientes com neoplasias de mama, até então, só podiam contar com a equipe de médicos oncologistas clínicos e cirúrgicos do HGA, sem a expertise em mastologia. A partir do diagnóstico, a biópsia deve ser realizada, no máximo, dentro de um mês. Somente no ano passado, 60 mil casos da doença foram diagnosticados no País, com base em dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca). A taxa de mortalidade, de acordo com o estudo foi de 22%. A previsão da Secretaria de Saúde é que esses atendimentos já ocorram a partir do início do próximo mês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

completar *