“Não vou mais perder tempo com fofocas. Tenho uma cidade para cuidar”

Andressa 1 (475 x 600)Um desentendimento entre a vereadora e líder da bancada do prefeito Válter Suman, Andressa Sales, e a esposa do vice-prefeito Renato Pietropaolo, Ana Paula Braga Leite, no Fundo Social de Solidariedade do município na sexta-feira (31), movimentou os bastidores da política local e as redes sociais.
Ana Paula acusa a vereadora de ameaça e tentativa de agressão e, de acordo com o Boletim de Ocorrência registrado no sábado (1º), a esposa do vice-prefeito afirma que o caso aconteceu quando as duas chegavam de carro no local.
Segundo Ana Paula, a vereadora Andressa Sales desceu de seu carro gritando e apontando o dedo para ela.
No seu depoimento na delegacia, Ana Paula relata que a vereadora desceu do carro, apontou o dedo para ela e gritou: “Quem foi que lhe disse que eu estou querendo a cabeça do prefeito? Eu quero saber quem foi. Quer saber, o seu trono e o trono do seu marido vão cair rapidinho. Isso não vai ficar assim”, descreveu a vítima.
Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, a vereadora estava acompanhada de vários homens e que foi intimidada por eles.
Em nota, o vice-prefeito, disse que já tomou as providências adequadas na esfera criminal e aguardará as medidas da polícia e do Ministério Público. Renato também levará o caso à administração do PSB, partido do qual ele, a vereadora e o prefeito fazem parte.
A vereadora Andressa Sales falou pela primeira vez à imprensa depois do ocorrido com a nossa reportagem e refutou vários pontos do Boletim de Ocorrência feito por Ana Paula.

Versão
“O que foi declarado no Boletim de Ocorrência e que foi publicado nos jornais está totalmente errado e, inclusive, eu estou tomando as minhas providencias porque tudo vai ter que ser provado, até porque naquele momento havia muitas pessoas no Fundo Social de Solidariedade e viram que não houve ameaças, não houve xingamentos e nenhum carro entrou no local cantando pneus como foi falado, o nosso carro ficou estacionado na rua porque a primeira dama estava gravando um vídeo de propaganda do trabalho dela. Eu entrei cumprimentei a primeira dama e chamei a Ana para falar com ela um minuto. Eu estava com meus quatro assessores, Cilene, Pixinga, Kennedy e Japão, não tinha ninguém de compleição física forte como ela fala no B.O”.
“Na verdade eu fui esclarecer o que estava acontecendo em relação a fofocas e mentiras que ela teria dito envolvendo os nomes dos meus assessores e o meu nome. Eu queria saber por que ela estaria inventando tanta mentira assim, qual o motivo e qual o objetivo? Quando a chamei de mentirosa ela se alterou e eu falei que ela teria que provar o que estava dizendo. Não houve nenhum tipo de agressão, está tudo registrado nas câmeras de segurança do Fundo Social.”

Intriga política?
“Não acredito que tenham tentado fazer uma intriga política entre eu e o prefeito Válter Suman até porque eu gosto muito do Renato, tenho uma grande admiração por ele e a mentira que foi falada doeu muito porque as pessoas envolvidas estiveram na campanha do Suman, são meus grandes guerreiros que defenderam com unhas e dentes o prefeito. Quando ninguém ainda acreditava que o Suman iria ganhar a eleição, era eu e o meu exercito que estavam na rua de mãos dadas com ele, caminhando pelas comunidades.”

Vice desmente
Sobre a notícia veiculada nos jornais que o vice estaria acionando o Ministério Público e as instancias superiores do partido, a vereadora afirmou que não procede. “Conversei com o vice-prefeito e secretário da Educação e ele disse que não houve esse fato, que isso não era verídico, mesmo porque não há razão para acionar o MP por causa de uma discussão entre duas mulheres. Quem fala isso é gente leiga de lei e isso eu não sou. A mesma coisa em relação ao partido, não houve nada que justificasse isso. Sou fiel ao meu partido, sou leal, e faço uma política autêntica, de transparência”.

Conversa com Suman

Para Andressa, também não procedem os comentários que eu não seria mais a líder da bancada do prefeito. “Isso é outra mentira. Estou fazendo um trabalho lindo como líder do governo junto com os meus nobres vereadores que são pessoas amadas e também comprometidas com a cidade. Conversei com o prefeito Válter Suman e ele me disse para deixar pra lá, que todo mundo me conhece e sabe que eu só fui lá para esclarecer e mostrar que gosto da verdade e como eu sempre fui verdadeira com todos, deveria esperar que todos também fossem verdadeiros comigo. Disse que tínhamos muito para fazer pela cidade e não tinha tempo pra esse tipo de coisa.”

Incomodando
“Vou continuar de cabeça erguida, lutando pelo meu povo, apresentando projetos e recuperando recursos federais e estaduais que estavam perdidos. Sou respeitada por senadores, por ministros, por deputados do Norte até o Sul do Brasil e principalmente pelas lideranças das comunidades onde atuo. Não tenho tempo para inventar mentiras sobre os outros, então porque os outros vão inventar mentiras sobre mim. Será que porque eu estou incomodando? Não estou entendendo”, conclui a vereadora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

completar *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>