Pinga fogo 545

Exclusiva Em entrevista exclusiva, o prefeito Válter Suman (PSB) avaliou suas realizações nesses 11 meses de governo, falou dos desafios que encontrou ao assumir a administração da cidade e de suas expectativas e projeto para o próximo ano. Nesta coluna destacamos alguns pontos da matéria. Monitoramento No quesito Segurança, o prefeito anunciou em primeira mão a implantação de uma Central de Monitoramento no Morro da Campina (Maluf) que estará em operação em breve. Aeroporto Em relação ao aeroporto, a previsão é que todo o processo esteja concluído na temporada de 2018/2019 para que os voos já estejam acontecendo e adiantou que já existe um link de negociações com o Concais para modernizar o píer da Base Aérea de Santos com objetivo de recepcionar os passageiros de cruzeiros marítimos. Ligação seca Suman também acredita que a ligação seca entre Guarujá e Santos deve começar a se concretizar assim que o vice-governador Márcio França (PSB), assumir o governo do Estado com o afastamento de Geraldo Alckmin (PSDB) para concorrer à presidência da República. Caderno de metas No próximo dia 12 de dezembro, cada secretaria vai ter que apresentar ao prefeito o seu plano de metas para 2018, definindo as ações de cada pasta. “Costumo dizer que quem sabe o que quer, vai mais longe. A gente não pode ficar no dia a dia enxugando gelo, apagando incêndios, nós temos que ter planejamento”, afirmou o prefeito. Saldo positivo Para Suman, o saldo deste primeiro ano é positivo. Ele cita a pesquisa do Instituto IPAT que apontou que sua administração tem em torno de 65% de aprovação, entre ótimo, bom e regular, “O que mostra que nós estamos atendendo à expectativa da população”. Portas abertas Na entrevista o prefeito também cita que o deputado federal Marcelo Squassoni (PRB) tem sido um parceiro de fundamental importância política para a abertura de portas em Brasília. “Ele tem um diálogo muito fácil com todos os ministros”, reconheceu Suman. Natal Iluminado Falando em Squassoni, não podemos deixar de registrar a ajuda do deputado junto à Caixa Econômica Federal para liberar para a prefeitura o aporte de R$ 150 mil para o financiamento da ornamentação de Natal da cidade, que inclui uma árvore gigante e iluminação natalina nas principais vias. Pé frio Quem deu as caras na cidade, depois de muito tempo, foi Nelson Fernandes. O ex-deputado estadual veio prestigiar a prestação de contas do vereador Edilson Dias (PT), realizada no último final de semana. Para os fofoqueiros de plantão, isso pode não ser um bom presságio para o presidente do legislativo local e recomendam, como terapia alternativa, um bom banho de sal grosso. Contratos Os mesmos fofoqueiros, também afirmam de pés juntos que todos os contratos de fornecimento e prestação de serviços das empresas da família Khalil com prefeitura, na administração da ex-prefeita Maria Antonieta de Brito, devem ser denunciados ao Ministério Público. Aguardemos. Cadê a fiscalização? Os comerciantes de Vicente de Carvalho têm alertado, já há um bom tempo, a prefeitura, sobre o aumento de ambulantes estrangeiros nas ruas do principal corredor comercial do Distrito. Questionado, um dos imigrantes chegou a afirmar que eles vêm pra cá porque não tem fiscalização como em São Paulo. Justa homenagem Muito elogiada a indicação do vereador Sérgio Santa Cruz (PRB) do nome de João Leite Neto para receber o Título de Cidadão Guarujaense. O jornalista, de envergadura internacional tem uma história política e empresarial ligada à cidade desde os anos 70. Sonho antigo Um sonho antigo da presidente do Sindserv, Marcia Rute e de muitos servidores públicos municipais começa a se tornar realidade. A construção do conjunto habitacional que será construído no Jardim Virgínia II. A placa do empreendimento foi inaugurada na quarta-feira (29), pela diretoria da entidade. Sonho Antigo II Com o início das obras previsto para 2018, o residencial terá 600 unidades, em três condomínios. Cada condomínio terá sua própria área de lazer, com salão de festas, churrasqueira, playground, quadra de esportes e muita área verde no entorno. Os preços estimados em 2014 iam até R$ 190 mil financiados em até 360 meses, pela Caixa Econômica Federal (CEF). Boa notícia O Hospital Guarujá começou na sexta-feira (1º) a atender também os beneficiários do plano de saúde Unimed, que agora também poderão contar com o Pronto Atendimento, Maternidade e internações e, pelo movimento registrado no primeiro dia, a procura pelo atendimento no hospital vai superar as expectativas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

completar *