Projeto social Caminho do Guerreiro forja campeões mundiais de jiu-jitsu

Jiu-jitso (600 x 411)A falta de condições financeiras para praticar artes marciais quando era adolescente, foi a grande motivação para que o técnico de Gastronomia, Eduardo Barbosa, hoje conhecido professor Dudu, criasse um projeto para dar a oportunidade à muitos adolescentes e crianças que não têm condições de pagar uma academia pudessem praticar a modalidade esportiva. Nascia assim, o Projeto Bushido, que literalmente significa Caminho do Guerreiro, o código de conduta e modo de vida dos samurais do Japão feudal. Eduardo é natural de Guarujá e aos 33 anos, fala com orgulho que do projeto saíram seis campeões mundiais nas categorias infantil e juvenil, desde que foi idealizado em 2003. Atualmente o Caminho do Guerreiro treina 40 jovens e crianças. Inicialmente, o treinamento era feito na quadra da Escola de Samba Mocidade Amazonense, passando posteriormente para um espaço na casa do pai de Eduardo, onde está até hoje, na Rua Floriano Peixoto, 49 em Vicente de Carvalho. Embora não tenha nenhum subsídio oficial ou apoio financeiro de empresas, vários atletas e artistas, como Mano Brown, reconhecem, em depoimentos de vídeo, a importância do trabalho social desenvolvido pelo professor Dudu, que é mantido exclusivamente por pais de atletas que podem colaborar. As empresas que se interessarem pelo projeto e possam colaborar ou quem quiser se informar sobre vagas, deve entrar em contato com o professor no próprio local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

completar *