Quiosques da Enseada têm nova data para entrega

quiosque-guaruja (600 x 400)Os 54 novos quiosques no calçadão da Praia da Enseada, que estavam previstos para estar funcionando a partir de15 de dezembro têm nova previsão de entrega para depois do Carnaval. Apesar disso, os quiosqueiros não terão seu comércio demolido durante a temporada nem gastos adicionais com isso: a empresa de comunicação Front 360 fez um contrato para custear a obra dos novos equipamentos, em parceria com a Ambev, prevendo exclusividade na venda de produtos. Desde 2008 A não ser que ocorra um novo impasse jurídico, a situação parece estar perto do fim. Em 2008, a Prefeitura disse que demoliria os antigos 95 quiosques montados na praia, a pedido do Ministério Público Federal (MPF), pois a Secretaria de Patrimônio da União (SPU) não autoriza construções na areia. O assunto se desenrola desde então e culminou numa conciliação proposta pela juíza federal Alessandra Nuyens Aguiar Aranha, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3). Para resolver o problema, que durava anos, ela determinou que ficasse a cargo dos quiosqueiros a construção dos novos equipamentos, cujo projeto foi feito pela Prefeitura. Na época, cada obra estava orçada em aproximadamente R$ 100 mil. Em troca, os permissionários que teriam os quiosques demolidos receberiam a concessão (que já detêm para estar lá) por mais cinco anos. Depois do prazo, uma licitação decidiria o gerenciamento dos novos espaços, que seriam pagos por eles – e, agora, pela Ambev. A juíza também ordenou que a multa de R$ 7 milhões, aplicada à Prefeitura por descumprir um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), fosse revertida na reurbanização da praia. Acessibilidade A Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras de Guarujá, na gestão anterior, explicou que haverá acessibilidade, como previsto no Plano de Intervenção Urbanística (PIU), a ser instituída a partir do próximo mês. A entrega será somente após a temporada porque será preciso ligar água e esgoto, serviço para o qual a Sabesp precisa de mais tempo. (Foto: Rogério Soares)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

completar *