Travesti é assassinada a pedradas na Enseada

delegacia-guaruja copy (600 x 342)Uma travesti de 34 anos foi assassinada durante a madrugada desta quarta-feira (08), na Enseada, em Guarujá, com diversas pedradas no rosto e no peito. O crime ocorreu em uma esquina da Avenida Dom Pedro I, por volta das 4h30. Ao lado do corpo da vítima, a polícia encontrou um tijolo com marcas de sangue que pode ter sido usado para assassiná-la. A motivação do crime é desconhecida. Assim que tomaram conhecimento do crime, Policiais militares compareceram ao local e solicitaram uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). No entanto, ao chegar os médicos já encontraram a vítima morta. As apurações do caso foram encaminhadas ao Setor de Homicídios da Delegacia Antissequestro (Deas) de Santos, que, em conjunto com os investigadores de Guarujá, tentam identificar e prender o criminoso. Denúncias anônimas que possam ajudar a polícia na elucidação do caso podem ser feitas por meio dos telefones: 181 (Disque Denúncia), 3228-6451 (Deas) ou 3386-6992 (Delegacia de Guarujá). Não é preciso se identificar para passar informações. (Com informações de A Tribuna)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

completar *