Turismo de Guarujá é bem avaliado pelo Governo Federal

Praia de Pitangueiras -Divulgação PMG (2) (600 x 400)A cidade foi contemplada com nota máxima pelo Ministério do Turismo, no mais recente Mapa do Turismo Brasileiro. Guarujá aparece entre os dez municípios paulistas classificados como categoria A na gestão do setor. Em todo o País, 3.285 cidades foram avaliadas e apenas 740 atingiram as notas A, B, C, configurando 23% do total.
Divulgado na última quinta-feira (14), o Mapa do Turismo Brasileiro é um instrumento que destaca municípios que adotam o turismo como estratégia de desenvolvimento e norteia a definição de políticas públicas para o setor. De acordo com dados do Ministério de Turismo, no espaço de um ano, o número de municípios cadastrados aumentou. Em 2016, eram 2.175 cidades, este ano o mapa registra 3.285 municípios.
Os municípios que o compõem foram indicados pelos órgãos estaduais de turismo, em conjunto com as instâncias de governança regional, a partir de critérios construídos em conjunto com Ministério do Turismo. O instrumento exige que a cidade tenha um órgão municipal responsável pela pasta de turismo e que tenha a atividade como estratégia de desenvolvimento.
Para a secretária de Turismo de Guarujá, Thaís Margarido, esta nota permite que a Cidade atraia mais investidores. “Temos dois grandes resorts, bandeiras internacionais conceituadas, gastronomia internacional com grandes chefes estrangeiros. Somos uma cidade com potencial para arrecadar recursos internacionais para o País e gerar empregos”, finaliza.
O Ministério avaliou as cidades que concentram 93% do fluxo de turistas domésticos e 100% do fluxo internacional como categoria A, B e C. As demais figuram nas categorias D e E, limitadas ao fluxo turístico regional e com a necessidade de formalização de empregos. Guarujá, Santos e Praia Grande são as únicas da Baixada Santista que alcançaram a nota máxima.
Ela ressalta ainda que essa avaliação é importante para captar cada vez mais turistas estrangeiros. “Quando eles procuram um destino, pesquisam a credibilidade e a infraestrutura como um todo, seja hospedagem, informação, rede gastronômica, da Cidade onde vão ficar”, disse.

Mapa do Turismo

O Tribunal de Contas da União e o Senado Federal reconhecem o Mapa do Turismo Brasileiro como um instrumento de gestão para orientar no desenvolvimento de políticas públicas regionalizadas e descentralizadas. A atualização bianual do documento se torna, portanto, fundamental para que esse instrumento seja eficaz e respeite o princípio de eficiência da Administração Pública.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

completar *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>